Sou lojista

Lojas Abertas
aos Domingos

1 /3
Comparativo de carros
Você pode selecionar mais um carro
Você pode selecionar mais um carro
Você pode selecionar mais um carro

Tipos de óleos lubrificantes para carros

Entenda as características, tipos, siglas e faça a escolha certa​

Existem diversos tipos de óleos lubrificantes. Mais viscosos, menos viscosos, mineral, sintético, com classificação API, SAE e por aí vai. Então, como escolher o óleo automotivo ideal para o seu carro? 

Confira tudo que você precisa saber sobre óleo lubrificante, aqui. 

Tipos de óleos lubrificantes.jpgÓleo lubrificante automotivo.jpg


Qual é a função dos óleos lubrificantes para carros?


Basicamente, o óleo automotivo cumpre três funções indispensáveis para o funcionamento adequado do carro. 

Primeiro, ele é responsável por lubrificar as peças e impedir que elas atritem e se desgastem – o que pode diminuir drasticamente a vida útil do motor​

Em seguida, o óleo ajuda a fazer uma limpeza interna. Isso, porque a combustão acumula impurezas, e as partículas de óleo ajudarão a removê-las. Não é à toa que na troca de óleo o fluido sai tão escuro.

Por fim, o óleo também é um dos componentes que ajuda a controlar a temperatura do motor. Ele fica entre as peças e além de funcionar como um isolante de contato, funciona como um isolante térmico. Sem o óleo, os componentes se encostam e geram muito calor, o que pode fundir o motor do carro.


Óleos automotivos e suas características


As principais características do óleo lubrificante são: natureza, classificação API e viscosidade SAE. Entenda cada uma a seguir. 


Tipos de óleos lubrificantes: natureza


Existem três naturezas do óleo lubrificante automotivo, são elas:

Óleo mineral: derivado do petróleo. Por ser mineral, suas partículas não são uniformes e na maioria dos casos precisam de alguns aditivos para tornar-se mais apto ao uso. Ele tem menor durabilidade. 

Óleo semissintético: é parte mineral e parte sintética, porque passa por processos industriais para melhorar a qualidade e durabilidade. Costumam ter bom custo-benefício. 

Óleo sintético: o óleo sintético é fabricado com componentes químicos mais sofisticados, o que provoca menos oxidação das peças. Além disso, tem a maior vida útil entre os lubrificantes. Apesar do custo do frasco ser um pouco mais elevado, costuma compensar, já que exige menos trocas.  


Tipos de óleos lubrificantes: classificação API


A classificação API é do Instituto Americano de Petróleo e tem relação com a evolução tecnológica do óleo. Nesse sentido, para veículos à gasolina ou álcool, as classificações são SJ, SL, SM e SN - em ordem crescente de evolução.  


Tipos de óleos lubrificantes: viscosidade SAE


Viscosidade do óleo é a medida da sua espessura e de sua resistência de fluir. Cada tipo de motor e temperatura ambiente exige uma determinada viscosidade de óleo para que ele possa fluir adequadamente. 

SAE é a sigla em inglês para Sociedade dos Engenheiros Automotivo. Essa instituição estuda e determina a classificação da viscosidade dos óleos lubrificantes para situações diferentes. 

Na embalagem do óleo, portanto, há a classificação de viscosidade SAE, que indicará o tipo de espessura e fluidez para cada clima. Nesse sentido, existem óleos multiviscosos e monoviscosos.


Óleo multiviscoso


Óleos lubrificantes multiviscosos mudam de viscosidade de acordo com a temperatura ambiente. Ou seja, eles trabalham para se adaptar ao clima frio ou quente e, assim, garantem sua funcionalidade. A classificação dos óleos multiviscosos é identificada por SAE 5w-30, 10w-30, 10w-40 e assim por diante. 

A classificação significa que a viscosidade é uma para clima frio e outra para clima quente. Em 10w-30, por exemplo, w significa inverno. Ou seja: no inverno a viscosidade é 10 e no verão é 30. Em outras palavras, ele trabalha para não ficar tão viscoso no frio e nem tão fino no calor – e dessa forma, manter a viscosidade ideal para funcionar corretamente. 


Óleo monoviscoso


São óleos lubrificantes que não mudam a viscosidade de acordo com a temperatura do ambiente. São chamados de óleos de verão e óleos de inverno, e as classificações são:
Verão - SAE 20, 30, 40 e assim por diante. Inverno - SAE 0w, 5w, 10w, 15w e assim por diante. 

Melhor óleo para o veículo.jpg


Qual o melhor óleo lubrificante automotivo para utilizar no carro?


Com três naturezas diferentes, classificações API distintas e viscosidades variadas, parece complicado entender qual o melhor óleo para o veículo. Mas a resposta é simples. 

Especialistas são praticamente unânimes em dizer que o melhor óleo para utilizar é aquele recomendado pela montadora, no manual do carro. 

Isso, porque os fabricantes já realizaram uma série de testes e puderam determinar com maior precisão o óleo que cumpre as funções eficientemente. 

Além disso, é fundamental manter a troca de óleo em dia. Na Localiza Seminovos, por exemplo, todos os carros estão com a manutenção preventiva em dia – o que, entre outras coisas, garante o funcionamento adequado do motor pela troca de óleo no tempo certo. 

​Quer escolher o seu próximo carro seminovo?